Nossa Causa

24 de agosto de 2012

pexels-photo-91224A ASSIM – Associação Instituto Movimento é uma instituição sem fins lucrativos nascida em 2007 que presta atendimento psicológico gratuito ou a custo social que conta com o trabalho de mais de 60 Psicólogos Voluntários.

A Instituição foi criada a partir da ampliação do Programa Clínica Social do Movimento, da Clínica e Escola Sistêmica, que já atendia este público – em menor escala – desde 1994. Os Psicólogos Voluntários são, em sua maioria, profissionais formados pelo Movimento – Clínica e Escola Sistêmica.

Ao perceber a crescente demanda de pessoas que necessitam do atendimento psicológico, mas que não podem pagar por ele, os profissionais formados pelo Curso de Formação em Terapia Sistêmica do Movimento agiram com responsabilidade social, não ignorando esta realidade, fundando a ASSIM.

As famílias acolhidas pela ASSIM apresentam diversos tipos de sofrimento psicológico e necessitam de ajuda para restabelecer seu bem estar.

A ASSIM não distribui entre seus associados, conselheiros, diretores, empregados ou doadores eventuais excedentes operacionais, brutos ou líquidos, dividendos, bonificações, participações ou parcela do seu patrimônio, auferidos mediante o exercício de suas atividades, e os aplica integralmente na construção do seu objetivo social.

A ASSIM está constituída por um número ilimitado de associados (pessoas físicas e também jurídicas), que compartilham os seus objetivos e finalidades.

Os programas que a ASSIM desenvolve têm como objetivo promover a saúde mental das famílias de baixa renda. Este trabalho ocorre integrado à capacitação dos profissionais voluntários da ASSIM, conseguindo-se com isto, melhorar a qualidade de vida dos indivíduos e a sua inserção e produtividade na sociedade.

O trabalho prestado pela ASSIM mostra-se complementar às atividades realizadas no âmbito das instituições públicas, já que os atendimentos contribuem para a saúde mental e bem-estar das pessoas, tornando-as mais produtivas para a sociedade. As pessoas atendidas são encaminhadas por: centros comunitários, escolas de bairros, empresas privadas e diversas instituições públicas municipais ou estaduais (escolas, postos de saúde, hospitais, delegacias, conselhos tutelares, Conselho Municipal de Assistência Social, etc.).

Os atendimentos realizados com as famílias que procuram atendimento psicológico não são contextos para resolver problemas, mas para desenvolver a resiliência. A resiliência é compreendida aqui como a capacidade de transformar sofrimento em aprendizado, em transformar os desafios em contextos de crescimento e desenvolvimento de autonomia.

São acolhidas todas as pessoas que tenham a possibilidade de comparecer aos atendimentos realizados na sede da ASSIM, no centro de Florianópolis, não se restringindo a clientela por local de residência.

Em 2015 foram realizados mais de 1.000 atendimentos individuais, de casais ou de famílias e na psicoterapia de grupo foram atendidas 225 pessoas. Em 2016, temos o recorde de 70 atendimentos semanais, conquistados pela parceria com a Formação Sistêmica, que dispôs de psicólogos em treinamento na Terapia Familiar Sistêmica para atendimento dos clientes que buscam a ASSIM.

Em seus três anos e meio de funcionamento a ASSIM conquistou posição de respeito e confiabilidade entre as ONGs e especialmente para a sociedade de Florianópolis.

Entre estas conquistas citamos:

  • Títulos de Utilidade Pública Municipal e Estadual;
  • Medalha Joana de Gusmão concedida a Telma Lenzi, Diretora-presidente da ASSIM, por serviços voluntários prestados a comunidade;
  • Prêmio ADAC (Associação de Distribuidores Atacadistas Catarinense) como entidade filantrópica em 2008;
  • Convênio com a Celesc para recebimento de contribuições através da conta de luz de qualquer morador do estado de Santa Catarina;
  • Publicação da cartilha “Olhar Sistêmico… Para o Mundo!” a partir de doação da Assembléia Legislativa de Santa Catarina, os recursos adquiridos com sua venda são repassados integralmente para ASSIM;
  • Concretização de uma rede de 93 voluntários que participam da ASSIM, entre trabalhadores voluntários, psicólogos voluntários, madrinhas e padrinhos de forma financeira ou de trabalho em fevereiro de 2011.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *